Quando substituir os pneus

Quando substituir os pneus

Todos os pneus necessitam, eventualmente, de ser substituídos.

A rapidez do desgaste depende de vários factores, tais como os seus hábitos de condução, o clima da área onde reside e os cuidados que tem com os seus pneus.

Quando devo substituir os pneus?

Deve inspecionar os pneus regularmente, no mínimo, uma vez por mês. Se detetar qualquer um dos problemas abaixo, é necessário substituir os pneus:

Barras de desgaste do piso: a maioria dos pneus têm barras de desgaste do piso, ou seja, bandas de borracha rígida que apenas se tornam visíveis quando a profundidade do piso excede o limite para a condução segura, que é geralmente de 1,6 mm.

Padrões de desgaste irregular: também deve verificar os pisos quanto a padrões de desgaste irregular, que podem indicar outros problemas nos pneus ou veículo.

Existe uma saliência ou bolha no flanco de um pneu. Estas podem provocar uma falha nos pneus e ser potencialmente perigosas.

Um pneu ficou vazio devido a um rebentamento.

Um pneu tem rasgões ou outros danos significativos

Existem furos no flanco do piso, com um tamanho superior a 0,64cm. Não pode reparar furos com um tamanho superior a este valor e nunca deve reparar pneus com uma profundidade de piso inferior a 1,6mm.

Sugestões para comprar pneus de substituição

  • Substitua todos os pneus em simultâneo: é sempre recomendado substituir todos os pneus em simultâneo. Para uma condução e um controlo otimizados, é recomendado que sejam todos do mesmo tipo e da mesma medida, excepto se especificado em contrário pelo fabricante do veículo.
  • Certifique-se de que correspondem: se estiver a comprar apenas dois pneus, certifique-se de que o novo par corresponde aos pneus que irá manter no seu veículo. Deve verificar se isto é permitido pela legislação local e pelo fabricante do veículo.
  • Coloque os pneus novos no eixo traseiro: para melhor tração e estabilidade na condução. Se comprar apenas dois pneus novos, deve colocá-los nas rodas traseiras.
  • Combinar pneus radiais e não radiais: se tiver de colocar ambos no mesmo veículo, coloque sempre os pneus radiais no eixo traseiro. Nunca combine pneus radiais e não radiais no mesmo eixo.
  • Índices de velocidade diferentes: não é recomendado colocar pneus com índices de velocidade diferentes. Se o fizer, estes devem ser colocados aos pares no mesmo eixo.
  • Capacidade de carga: certifique-se de que todos os pneus de substituição têm uma capacidade de carga igual ou superior às especificações fornecidas pelo fabricante do veículo.

O que acontece aos pneus antigos?

Nos EUA, na Europa e no Japão, 90% dos pneus antigos ou “em fim de vida útil” são reciclados para recuperação energética.

Aviso

A condução pode ser afectada, significativamente, pela alteração do tipo ou da medida de um pneu. Antes de substituir os pneus, consulte sempre o manual do proprietário e siga as recomendações de substituição de pneus do fabricante do veículo.